Adicione o Correio do Povo nas suas redes

Notícias

Ministras do STF conclamam mulheres a buscar igualdade pelo voto

Ministras do STF conclamam mulheres a buscar igualdade pelo voto

segunda, 20 de agosto de 2018, às 14h 33min
EBC

A ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), e a ministra Rosa Weber, também do STF e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), fizeram apelo hoje (20) para que as mulheres exerçam seu direito a voto com consciência, de modo a aumentar a participação feminina na política.

Ambas pariciparam do seminário Elas por Elas, organizado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), sobre a temática da mulher no poder estatal e na sociedade. Durante o evento foi comemorado o fato inédito de mulheres ocuparem nesta semana, simultaneamente, os cargos máximos de cinco órgãos de Justiça brasileiros. Também participou do evento a presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, e a advogada-geral da União, ministra Grace Mendonça.

Em seu discurso, Rosa Weber destacou que as mulheres constituem 52,5% do eleitorado (73.337.919 eleitoras) nas próximas eleições, mas constam como candidatas em apenas 30,7% (8.353) dos pedidos de registro para os 1.654 cargos eletivos em disputa neste ano.

A ministra ressaltou que, mesmo entre esses registros, há provavelmente muitos casos de candidaturas “fantasma”, feitas por partidos cujas candidatas não entram de fato na disputa. Destacou ainda o fato de que menos de 10% dos cargos para deputado federal serem ocupados por mulheres e apenas 18% para senadoras. Rosa Weber conclamou as brasileiras a reverterem “o paradoxo desse quadro, quando a maioria do eleitorado é feminino”.

“Façamos, mulheres, ao exercer todas nós esse direito essencial da cidadania que é o voto, a diferença para um fortalecimento do estado democrático de direito, conquista diária e permanente de todas nós, com a consciência de que em nossas mãos, mulheres, está o destino do país, com a construção de sociedade que todas queremos igualitária, justa e inclusiva”, disse.

Consciência

Em seguida, Cármen Lúcia afirmou ser excepcional o fato de tantas mulheres ocuparem posições de poder no campo da Justiça, e que isso somente intensifica os preconceitos, não os diminui. Ela defendeu que as mulheres tomem consciência de sua condição feminina para avançar na libertação de outras que ainda não têm a liberdade de falar, pensar e se posicionar no mundo.

“Para não termos mais o quadro que a ministra Rosa Weber acaba de traçar aqui, em termos de representação, é preciso que a mulher esteja presente para se fazer representar”, afirmou Cármen Lúcia, também conclamando as eleitoras a fazerem diferença pelo voto na busca pela igualdade.

Ao mencionar as eleições deste ano, a ministra Laurita Vaz disse que a situação “rara” da presença de mulheres em posições de comando na Justiça não significa que elas deixaram de ser preteridas ao buscar crescer em suas carreiras. Como exemplo, ela citou o fato de as mulheres serem quase metade dos aprovados em concursos para juiz de primeira instância, sendo que há apenas seis ministras entre os 33 ministros do STJ. “Essa realidade distorcida precisa ser mudada”, afirmou.

“Precisamos ter a plena consciência de que estamos aqui hoje vivendo um momento mais do que especial, mas esse momento não é a regra, e tanto não é regra que hoje ainda é notícia”, disse a advogada-geral da União, Grace Mendonça. “A notícia de que as cinco principais instituições inseridas no sistema de Justiça no Brasil hoje são comandadas por mulheres. Quando teríamos o mundo ideal? O dia em que as mulheres ocuparem essas funções, e isso será visto de modo tão natural que nem será notícia mais”.

 

Justiça faz novo esforço para julgar ações de violência contra mulher

Justiça faz novo esforço para julgar ações de violência contra mulher

segunda, 20 de agosto de 2018, às 14h 32min
EBC

Tribunais de Justiça de todos os estados e do Distrito Federal começam hoje (20) esforço concentrado para julgar casos de violência contra a mulher que tramitam nesses órgãos. O mutirão é parte da 11ª edição da Semana Justiça pela Paz em Casa, promovida há cinco anos. No total, em todas as edições, ocorreram 140 mil audiências, foram definidas 127 mil sentenças e expedidas 65 mil medidas protetivas.

De acordo com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), atualmente, tramitam mais de 1 milhão de processos relativos à violência doméstica na Justiça brasileira. Justamente para tentar acelerar a conclusão desses casos, a campanha ocorre três vezes por ano: em março, em homenagem ao Dia da Mulher; em agosto, para marcar a promulgação da Lei Maria da Penha, e em novembro, durante a semana internacional de combate à violência de gênero, estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Um levantamento sobre as iniciativas das varas e juizados especializados nesses crimes para esta semana mostra metas como a de Goiás, onde mais de mil audiências de processos referentes à Lei Maria da Penha estão previstas. Apenas em Goiânia, estão agendados 200 julgamentos. No Rio de Janeiro, o objetivo é realizar 1.391 audiências e, na Paraíba, mais de 400 audiências, até 24 de agosto.

No Piauí, estão previstas 300 audiências preliminares, de instrução e julgamentos no Fórum Central de Teresina. Em Porto Velho, dois Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher farão, em média, 50 audiências por dia durante a semana, totalizando 268 audiências. Apenas em junho deste ano, tramitaram 6.772 processos nos dois Juizados. Em Mato Grosso do Sul, estão programadas 150 audiências concentradas no tema.

Os tribunais também organizam, ao longo da campanha, debates e exposições com delegados especializados, promotores e outros profissionais que atuam nas investigações desse tipo de violência.

 

Corpo de jovem que desapareceu no rio Tocantins é encontrado pelos Bombeiros

Corpo de jovem que desapareceu no rio Tocantins é encontrado pelos Bombeiros

segunda, 20 de agosto de 2018, às 14h 13min

O corpo do jovem que desapareceu enquanto tomava banho no rio Tocantins, em Porto Nacional, foi encontrado na manhã desta segunda-feira (20). A vítima foi localizada momentos depois que os Bombeiros retomaram as buscas. A identidade da vítima ainda não foi confirmada.

Segundo testemunhas, o rapaz estava tomando banho na praia do Piseiro, próximo da ponte e sumiu. Dois mergulhadores vasculharam a área onde o jovem foi visto pela última vez e toda a extensão do rio.

As buscas começaram na tarde deste domingo (19). As causas do afogamento ainda não foram esclarecidas.

Um balanço feito pelo Corpo de Bombeiros apontou que 28 pessoas morreram por afogamento nos rios do Tocantins, de 1º de janeiro ao dia 30 de julho, quando terminou a temporada de praias, período em que o fluxo de banhistas é maior e em geral, aumenta o número de vítimas.

 

16 enfermeiras ficam grávidas ao mesmo tempo em hospital

16 enfermeiras ficam grávidas ao mesmo tempo em hospital

segunda, 20 de agosto de 2018, às 14h 03min
Terra

Uma coincidência bizarra está causando problemas na escala de trabalho do Banner Desert Medical Center, em Arizona, nos Estados Unidos. Dezesseis enfermeiras da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do hospital engravidaram ao mesmo tempo e vão desfalcar o local durante o segundo semestre de 2018.

"Só percebemos que tantas de nós estávamos grávidas quando fizemos um grupo de apoio no Facebook", disse Rochelle Sherman, grávida de oito meses, à agência Associated Press. "Nós começamos a fazer planos para tirarmos férias juntas", brincou Jolene Garrow. Elas explicam que a situação ficou tão estranha que até os pacientes começaram a perceber que todas elas estavam grávidas.

O hospital encarou com bom humor as gravidezes simultâneas e afirma que já está fazendo um plano para contratar enfermeiras temporárias durante as 12 semanas de licença maternidade que as profissionais fixas irão tirar. Além disso, o hospital tirou as enfermeiras de contato com pacientes que estão recebendo tratamento para doenças contagiosas ou que estão fazendo terapia com radiação.


Ruraltins divulga resultados durante o 2º Tecnifruti

Ruraltins divulga resultados durante o 2º Tecnifruti

segunda, 20 de agosto de 2018, às 11h 34min

Ascom

Na próxima sexta-feira (24), durante o 2º dia técnico de fruticultura do perímetro irrigado do Projeto Manoel Alves, no município de Dianópolis, o Instituto de Desenvolvimento Ruraltins do Tocantins (Ruraltins), apresentará resultados referentes aumentos de produção e diversidades no ramo da fruticultura. O evento está previsto para iniciar às 7h30, sendo uma promoção do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária, com recursos do Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), em parceria com o Ruraltins.

De acordo com Valdinei Silva Souza, extensionista rural, do Ruraltins de Dianópolis, um dos responsáveis pela assistência técnica no projeto, a metodologia de dia de campo é uma oportunidade para mostrar resultados das tecnologias desenvolvidas com os produtores, e também divulgar dados como aumento de produção. “O Ruraltins sempre trabalha na busca de bons resultados, assim, depois de prestarmos assistência técnica aos produtores que estão inseridos no projeto Manoel Alves, mostraremos no dia de Campo, os principais resultados e avanços no decorrer de quase 3 anos de trabalho prestado no projetos, como evolução dos dados relacionados ao aumento de áreas plantadas e produção, diversidade das culturas, tecnologias utilizadas, movimentação financeira, entre outros”, comentou o extensionista, reforçando que o Ruraltins de Dianópolis, atende cerca de 50 produtores dentro do perímetro irrigado.

Para o diretor de assistência técnica do Ruraltins Edmilson Rodrigues, que participará do evento, o dia de campo é um dos mais eficazes métodos de apresentação de resultados, tanto no que se refere a tecnologias aplicadas como o excelente serviço prestado pelo Ruraltins. “Durante todos os anos o Ruraltins desenvolve diversas atividades no meio rural, e o dia de campo é uma das mais variadas metodologias aplicadas, sendo a que mais contribui para divulgação de resultados”, enfatizou o vice-presidente, acrescentado que muitos agricultores que não estão inseridos no Projeto Manoel Alves, serão também beneficiados, com os atendidos pelos projetos Ater para Médios Produtores, agricultores familiares e tradicionais, técnicos da região sudestes, entre outros.

Confira a Programação e Estações:

1ª Estação: Manejo da Cultura do Abacaxizeiro/Produção integrada, com a condução dos doutores Aristóteles Pires e Davi Theodoro Junghans; 2ª estação: Implantação e Manejo da Cultura do Coqueiro, com o MSc. Humberto Rollemberg Fontes; 3ª estação: Manejo da Cultura da Bananeira/ produção Integrada, com o Dr. Zilton José Maciel Cordeiro; 4ª estação: Manejo da Cultura do maracujá, com o Dr.Raul Castro Carriello Rosa; 5ª estação: Manejo irrigado de Fruticultura, com os Msc. Antônio Humbero Simão e AlexandreBarreto Almeida dos Santos, finalizando com um almoço e visita aos estandes instalados.

Porto Nacional recebe 1ª edição da Corrida de Rua da Padroeira; inscrições abrem hoje, às 15horas

Porto Nacional recebe 1ª edição da Corrida de Rua da Padroeira; inscrições abrem hoje, às 15horas

segunda, 20 de agosto de 2018, às 11h 28min


Inscrições poderão ser feitas até o dia 11/09 no site www.centraldacorrida.com.br .

A partir das 15 horas desta segunda-feira, 20/08, a comunidade de Porto Nacional pode garantir sua participação na 1ª edição da Corrida de Rua da Padroeira. A competição acontece no dia 23/09 com largada e chegada ao lado da Paróquia Catedral de Nossa Senhora das Mercês. As inscrições serão realizadas pelo site www.centraldacorrida.com.br e a largada está prevista para 07h30min.

A corrida é organizada pela Associação Comercial, Industrial, Serviços e Agropastoril de Porto Nacional (ACISA-PN) com realização de instituições parceiras como o Serviço Social da Indústria (SESI) e a Paróquia Catedral Nossa Senhora das Mercês de Porto Nacional. O percurso é de aproximadamente 5 quilômetros e será divulgado por meio do site do evento de maneira ilustrativa podendo sofrer alterações devido a cuidados com a segurança dos participantes.

Podem participar corredores a partir de 16 anos de ambos os sexos que concorrem a troféus por faixas etárias (16 a 24 anos, 25 a 34 anos, 35 a 44 anos, 45 a 54 anos e 55 anos ou mais). O valor da inscrição é de R$ 50,00 (idosos terão desconto de 50% neste valor) e os corredores ganharão no dia da entrega do kit cinco unidades de rifas para concorrer ao sorteio de uma moto.

Kit Atleta

A entrega do kit para os corredores regularmente inscritos ocorre somente nos dias 21 e 22 de setembro de 2018, das 15h às 21h, na Secretaria da Paróquia Nossa Senhora das Mercês, localizada na Rua Dr Francisco Aires da Silva, nº 263, Centro. O kit é composto por camiseta, chip e número de peito e para retirá-lo é necessário apresentar um documento pessoal com foto (RG, Carteira de Motorista, Carteira de Trabalho, Carteira Profissional, etc).

Premiação

Os 3 primeiros colocados por faixa etária (feminino e masculino) receberão troféus. Haverá ainda premiação em dinheiro para os 5 primeiros colocados da categoria comunidade GERAL (feminino e masculino), com os seguintes valores:

1º Colocado Troféu + R$ 500,00 (quinhentos reais)

2º Colocado Troféu + R$ 400,00 (quatrocentos reais)

3º Colocado Troféu + R$ 300,00 (trezentos reais)

4º Colocado Troféu + R$ 200,00 (duzentos reais)

5º Colocado Troféu + R$ 100,00 (cem reais)




CONCURSO DO MPU VAI OFERECER SALÁRIOS DE ATÉ 11 R$ MIL. CESP VAI ORGANIZAR

CONCURSO DO MPU VAI OFERECER SALÁRIOS DE ATÉ 11 R$ MIL. CESP VAI ORGANIZAR

segunda, 20 de agosto de 2018, às 10h 44min

Cresce a expectativa de realização do edital do concurso público do Ministério Público da União (EDITAL Concurso MPU 2018).

Foi divulgado no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 20 de agosto, que o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) já assinou o contrato para organizar o próximo certame do órgão. De acordo com o documento (veja abaixo), o contrato entre as partes foi assinado na última quinta-feira, 16 de agosto.

Polícia Rodoviária apreende 60 quilos de cocaína na Rio-Santos

Polícia Rodoviária apreende 60 quilos de cocaína na Rio-Santos

segunda, 20 de agosto de 2018, às 10h 38min

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu cerca de 60 quilos de cocaína que estavam sendo transportados por um casal na Rodovia Rio-Santos (BR-101), na altura do município de Muquiri, no litoral sul do estado do Rio de Janeiro.

A apreensão ocorreu no início da noite de ontem (19), quando os agentes da Polícia Rodoviária Federal abordaram o carro em que o casal viajava, levando também uma criança de cinco anos.

Durante a fiscalização, os agentes perceberam o nervosismo do motorista e desconfiaram das histórias contraditórias sobre a viagem, e resolveram fazer uma busca minuciosa no carro, quando encontraram 59 tabletes de cocaína - cerca de 60 kg - entre o banco traseiro e o porta-malas.

O casal disse que pegou a droga em Guarulhos, na região metropolitana de São Paulo, para entregá-la na comunidade do Alemão, na zona norte do Rio de Janeiro. Eles foram presos por tráfico de drogas e levados para a sede da Polícia Federal, na Praça Mauá, centro da cidade.

A ocorrência foi registrada na 165ºDP, em Mangaratiba.

Justiça faz novo esforço para julgar ações de violência contra mulher

Justiça faz novo esforço para julgar ações de violência contra mulher

segunda, 20 de agosto de 2018, às 10h 37min

Tribunais de Justiça de todos os estados e do Distrito Federal começam hoje (20) esforço concentrado para julgar casos de violência contra a mulher que tramitam nesses órgãos. O mutirão é parte da 11ª edição da Semana Justiça pela Paz em Casa, promovida há cinco anos. No total, em todas as edições, ocorreram 140 mil audiências, foram definidas 127 mil sentenças e expedidas 65 mil medidas protetivas.

De acordo com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), atualmente, tramitam mais de 1 milhão de processos relativos à violência doméstica na Justiça brasileira. Justamente para tentar acelerar a conclusão desses casos, a campanha ocorre três vezes por ano: em março, em homenagem ao Dia da Mulher; em agosto, para marcar a promulgação da Lei Maria da Penha, e em novembro, durante a semana internacional de combate à violência de gênero, estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Um levantamento sobre as iniciativas das varas e juizados especializados nesses crimes para esta semana mostra metas como a de Goiás, onde mais de mil audiências de processos referentes à Lei Maria da Penha estão previstas. Apenas em Goiânia, estão agendados 200 julgamentos. No Rio de Janeiro, o objetivo é realizar 1.391 audiências e, na Paraíba, mais de 400 audiências, até 24 de agosto.

No Piauí, estão previstas 300 audiências preliminares, de instrução e julgamentos no Fórum Central de Teresina. Em Porto Velho, dois Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher farão, em média, 50 audiências por dia durante a semana, totalizando 268 audiências. Apenas em junho deste ano, tramitaram 6.772 processos nos dois Juizados. Em Mato Grosso do Sul, estão programadas 150 audiências concentradas no tema.

Os tribunais também organizam, ao longo da campanha, debates e exposições com delegados especializados, promotores e outros profissionais que atuam nas investigações desse tipo de violência. (Agência Brasil)

Suplente de César Halum, diz que seu sonho de ter um Tocantins próspero convergiu com o do candidato

Suplente de César Halum, diz que seu sonho de ter um Tocantins próspero convergiu com o do candidato

segunda, 20 de agosto de 2018, às 10h 29min

Ascom


“A decisão de ser suplente do César Halum partiu de uma confluência de sonhos em comum, do empresário idealista ao político determinado e trabalhador, ambos engajado na construção de um Tocantins próspero”. A declaração é do empresário, Darci Garcia da Rocha, suplente do candidato a senador, César Halum (PRB), pela coligação “Governo de Atitude”, composta pelos partidos PRB, PHS, PP, DEM, PTC, SD, PATRIOTA, PROS, AVANTE, PPS, PSDC, PPL. A chapa, que tem como candidato ao governo Mauro Carlesse conta também com o candidato a senador, Eduardo Gomes (SD).

O suplente de senador defende políticas públicas que possam melhorar a saúde, a segurança pública e projetos para impulsionar o desenvolvimento econômico e social do Tocantins. “Precisamos diminuir nossa grande dependência da máquina pública, gerar mais empregos e a iniciativa privada é fundamental nesse processo. Vamos trabalhar para tornar nosso estado forte, sólido, pronto para entrar em uma nova era de evolução e de prosperidade”, disse Garcia.

Social

Além de empresário, Darci é engajado em projetos sociais e é um dos grandes entusiasta e mobilizador na construção do Hospital do Amor no Tocantins (Hospital do Câncer de Barretos), o qual está sendo construído em Palmas.

Perfil:

Darci Garcia da Rocha é natural de Barretos/SP, casado com Nilzair Alves Araújo, pai de quatro filhos, oito netos e uma bisneta. Empresário do setor imobiliário participa ativamente do desenvolvimento do estado desde de sua criação em 1989. Apesar da baixa escolaridade (primeiro grau incompleto), sua determinação, vontade, confiança e muito trabalho o fizeram prosperar nos negócios e contribuir também para o crescimento do estado. Foi um dos primeiros empresários a investir no distrito de Luzimangues, município de Porto Nacional, além de participar de outros empreendimentos.



Assessoria de Imprensa do senador César Halum  
Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo 
Portal Benício - Compromisso com a Verdade - Todos direitos reservados
Rua Araguaia, 600. Centro - Paraíso do Tocantins - (63) 3602-1366 - 9.9975-8218 - elvecinobenicio@hotmail.com
Desenvolvido por ArtemSite - Tecnologia em Internet | Agência Digital | Criação de Sites, Marketing Digital e Hospedagem Web