Adicione o Correio do Povo nas suas redes

Notícias

O que devemos fazer quando nos deparamos com situações de afogamento?

BOL

O afogamento é uma fatalidade muito comum e geralmente ocorre em momentos de lazer da vítima. Essa fatalidade é responsável por uma grande quantidade de mortes, principalmente entre jovens e adolescentes. Todos os anos são registradas mais de 7.000 mortes em decorrência desse tipo de acidente, sem contar as vezes que o corpo não é encontrado e a morte não é registrada.

Podemos dizer que houve afogamento quando um líquido de qualquer natureza foi aspirado em virtude de submersão. O afogamento provoca a entrada de água nas vias respiratórias, impedindo a obtenção de oxigênio atmosférico, o que pode causar a morte caso a vítima não seja socorrida a tempo.

→ Principais causas de afogamentos

Os afogamentos são comuns durante o verão, época em que as pessoas mais frequentam áreas de rios e mares. Desconhecimento das condições do local e falta de habilidade do nadador estão entre as principais causas de afogamento.

Além disso, podemos citar como causas de afogamento o mergulho em áreas rasas, que pode levar a traumatismo seguido da aspiração de água, ingestão de bebidas alcoólicas, crises convulsivas, doenças cardiorrespiratórias e câimbras. Em afogamentos em residências, destacam-se os de crianças que se afogam em banheiras e outros recipientes com água por ficarem sem a supervisão de um adulto.

Denominamos de afogamento primário aquele em que não se observa nenhum fator que levou ao afogamento. Este ocorre naturalmente em virtude da falta de habilidade da vítima, por exemplo. Já o secundário está relacionado com alguma patologia que dificulte que a vítima mantenha-se na superfície.

→ Como ocorre o afogamento?

Quando uma pessoa entra em contato com a água e percebe que sofrerá o afogamento, ela geralmente se desespera e inicia uma luta para manter-se na superfície. Quando ocorre a submersão, instantaneamente a pessoa prende a respiração. Essa parada da respiração depende da capacidade física de cada indivíduo.

Quando a pessoa não consegue mais segurar a respiração, uma aspiração de líquido pode ocorrer. Em algumas pessoas, isso é um estímulo para que haja um reflexo natural que contrai as vias respiratórias e impede que mais água entre no organismo. Essa contração pode levar à morte por asfixia, um caso que chamamos de afogamento do tipo seco.

Na maioria das pessoas, no entanto, não ocorre esse reflexo e o que acontece é uma grande aspiração de água por causa de movimentos respiratórios involuntários. Isso faz com que a água chegue aos pulmões, levando à perda da substância que promove a abertura dos alvéolos (surfactante), mudanças na permeabilidade dos capilares e surgimento de edema pulmonar. Com o tempo, o pulmão enche-se completamente de água, o indivíduo perde a consciência, sofre parada respiratória e morre.

→ Primeiros socorros em caso de afogamento

Em casos de afogamento, é importante ser muito cauteloso ao tentar salvar a vítima. Quando uma pessoa está se afogando, sua tendência é desesperar-se e segurar na pessoa que está tentando salvá-la, podendo ocasionar outro afogamento. Nesses casos, portanto, é fundamental jogar algo para que ela se segure, como boias e pneus.

Nesses casos, é fundamental também chamar bombeiros ou uma ambulância, pois a vítima terá atendimento especializado. Em pessoas desacordadas e sem sinais de respiração, recomenda-se a respiração boca a boca e, quando estiver sem pulso, a massagem cardíaca. Quando acordada, é importante manter a vítima deitada de lado e aquecida.

→ A melhor solução é a prevenção


Para evitar afogamentos, algumas importantes medidas devem ser tomadas:
  • Evite nadar em locais desconhecidos;
  • Não desafie a força das correntezas;
  • Não faça uso de medicamentos ou bebida alcoólica antes de nadar;
  • Não deixe crianças desacompanhadas.

   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.
Portal Benício - Compromisso com a Verdade - Todos direitos reservados
Rua Araguaia, 600. Centro - Paraíso do Tocantins - (63) 3602-1366 - 9.9975-8218 - elvecinobenicio@hotmail.com
Desenvolvido por ArtemSite - Tecnologia em Internet | Agência Digital | Criação de Sites, Marketing Digital e Hospedagem Web