Mesmo em obras, estádios de Araguaína e Gurupi vão receber jogos do Tocantinense

0
475

AF Notícias

O Governo do Tocantins disse que intensificou as obras de adequação dos estádios Gilberto Resende Rocha, o Resendão, em Gurupi; e Leôncio de Souza Miranda, o Mirandão, em Araguaína, para garantir que ambos tenham condições de receber jogos no Campeonato Tocantinense de Futebol, que começa no dia 6 de abril.

Em Gurupi, as obras tiveram início em novembro de 2018. No local, estão sendo finalizados serviços como construção da bilheteria, reforma das arquibancadas, ampliação e modernização do sistema de iluminação, bem como manutenção do gramado e adequação às normas de combate a incêndio e pânico. O Estado também fará a reconstrução de parte do muro do Estádio, danificado em decorrência de fortes chuvas, no mês de janeiro.

Já no Estádio Mirandão, estão sendo realizados serviços de impermeabilização da estrutura das arquibancadas, problema que se estendia desde julho, quando as obras foram iniciadas. A falta da impermeabilização nas arquibancadas provocou infiltrações na área dos vestiários, comprometendo o uso dos locais. Além da impermeabilização, o Estádio deverá receber melhorias em relação à iluminação, pintura, rampa de acesso, corrimãos para divisão de torcidas, dentre outros.

Dentre as alternativas para garantir o mando de jogo das equipes araguainenses no estádio e não prejudicar os times no que diz respeito ao faturamento com a bilheteria, bem como o acesso do torcedor aos jogos do time favorito, o Governo estuda a viabilidade de realizar o trabalho de impermeabilização por etapas, liberando parcialmente as alas do estádio, à medida que os serviços forem concluídos.

“Nossa proposta é realizar a interdição das alas que ainda não tiverem recebido os serviços e, com suporte dos órgãos de segurança, garantir a liberação daquelas que estiverem prontas. Desta forma, conseguiremos dar andamento ao trabalho durante o campeonato, permitindo que as equipes possam contar com o apoio de seus torcedores e que eles desfrutem da alegria de ver seus times defendendo suas camisas. Não é o ideal, mas é o que é possível e viável neste momento”, frisou o superintendente da Secretaria de Juventude, Esporte e Lazer da Seduc, Robson Ferreira.

Conforme o Governo, se as obras não fossem reiniciadas, o Estado perderia os recursos federais oriundos de emendas parlamentares e os dois estádios ainda estariam fora da competição por falta de condições mínimas de segurança para receber os jogos.

Início do campeonato 2019

O Campeonato Tocantinense de Futebol estava previsto para começar no dia 30 de março. Diante do quadro de obras dos estádios, a Federação Tocantinense de Futebol decidiu adiar, em uma semana, o início da competição. “Esta medida demonstra o comprometimento do Estado e das entidades desportivas em oferecer aos atletas e torcedores as melhores condições possíveis para a realização dos jogos”, enfatizou a secretária de Estado da Educação, Juventude e Esportes, Adriana Aguiar.

Campeonato 2020

Tão logo se encerre a edição 2019 do Campeonato Tocantinense, a Superintendência de Juventude, Esporte, Juventude e Lazer fará um chamado a todos os agentes envolvidos com o futebol no Estado para iniciar o planejamento do campeonato 2020. “A nossa meta é que o futebol tocantinense consiga, com o planejamento que é necessário, se fortalecer. Isso só é possível quando tivermos todos os setores envolvidos trabalhando de forma alinhada e executando, simultaneamente, seus papéis”, destacou Robson Ferreira.

Uma das propostas que a Secretaria defenderá é o fortalecimento das categorias de base junto ao futebol profissional, como alternativa para atender aos times com o surgimento de novos talentos e, ainda, para proporcionar mais oportunidades aos jovens que sonham em se profissionalizar no esporte.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui