Mulher que agrediu marido é indiciada pela Polícia

0
1012
Foto: Ilustrativa

 

A Polícia Civil do Estado do Tocantins, através da 2ª Delegacia de Polícia Civil de Araguaína, nesta quarta-feira (10), concluiu a investigação referente à prática de crime de lesão corporal, em contexto de violência doméstica. Segundo o apurado, em 21 de fevereiro, por volta das 19h, na cidade de Araguaína, um homem de iniciais F.N.L, de 48 anos, foi agredido por sua companheira M.P.S.L, de 49 anos, após visualizar uma mensagem no celular da vítima. Após ser agredido, o homem se escondeu na casa de um vizinho, tento em vista que a sua companheira estava bastante agressiva.

Segundo relatos da vítima, após avistar as mensagens no celular, a agressora avançou contra ele com um frasco de desinfetante, que utilizou para atingir a cabeça da vítima. Com o golpe, o agredido veio ao chão, sendo, em seguida, atacado pela sua companheira, que deixou diversas marcas de unhas em seu pescoço, abdômen, rosto, braços e costas.

Por fim, a mulher se apossou de uma faca e correu atrás da vítima, sendo que o homem teve que se esconder na casa de um vizinho. O laudo pericial constatou diversas lesões no corpo da vítima. No dia do fato a mulher fora presa em flagrante, mas pagou a fiança e foi liberada em seguida.

O delegado Luís Gonzaga da Silva Neto, responsável pelo caso, concluiu o inquérito, sendo a autora M.P.S.L. indiciada pelo crime de lesão corporal em contexto de violência doméstica, cuja pena total pode chegar ao patamar de 03 (três) anos de prisão. O caso agora fora encaminhado ao Poder Judiciário para as medidas cabíveis.

Ascom/Sec. Segurança Pública

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui