Outra vez: Polícia Federal cumpre mandados em Paraíso do Tocantins

0
4442

Da Redação

 

“Ladrões de Sonhos”. É o significado da segunda fase da operação, Krank, que está sendo cumprida pela Polícia Federal em Paraíso do Tocantins, Palmas, Araguaína, Miracema e no Marabá – PA, e que investiga desvios de R$ 200 mil do programa federal ProJovem Urbano. (Krank é o nome do principal personagem do filme).

 

Há 16 dias, o ex-secretário de juventude do Tocantins, Joaquim Carlos Parente Junior (Joaquim Junior) foi preso em Paraíso pela Polícia Federal na primeira fase das investigações. Não há informações sobre os locais onde a PF esteve na cidade nesta sexta. Nomes também ainda não foram divulgados.

 

Os mandados de busca e apreensão foram expedidos por um juiz federal da 4ª Vara de Palmas. Notas fiscais falsas e benefícios a empresas direcionadas para vencer licitações estão entre os fatos que culminaram na Operação, além de possíveis contratações de servidores fantasmas.

 

O ProJovem Urbano tem como objetivo elevar a escolaridade de jovens com idade entre 18 e 25 anos, por meio da conclusão do ensino regular e realização de cursos. Além de auxílio financeiro mensal aos atendidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui