Juiz revoga proibição e autoriza sepultamento no Cemitério Bom Jesus em Paraíso

0
395
FAMÍLIAS COM JAZIGO NO BOM JESUS JÁ PODEM SEPULTAR SEUS MORTOS NO LOCAL

Da Redação

O juiz, William Trigilo da Silva, revogou nesta quinta-feira, 29, a proibição de sepultamento no Cemitério Bom Jesus, de Paraíso do Tocantins, feita pelo juiz Adolfo Amaro Mendes. Na época, o Magistrado exigiu que a prefeitura municipal apresentasse as licenças necessárias para o funcionamento do cemitério, e determinou que todas as atividades fossem transferidas para o novo cemitério, Memorial Parque, assim que o mesmo fosse revitalizado.

De imediato a assessoria da gestão municipal entrou em ação e, alguns dias após a sentença, conseguiu junto ao Naturatins todas as licenças exigidas pela Justiça. Vale lembrar que o Bom Jesus funcionava sem licença ambiental desde sua inauguração, em 1972.

Outra ação imediata, para atender à determinação do Juiz, foi a revitalização do cemitério Memorial Parque que, rapidamente passou a ser utilizado para todos os sepultamentos ocorridos na cidade nesse período.

De posse da documentação, a Assessoria Jurídica do município pediu a reconsideração da decisão, e o resultado foi dado nesta quinta. O juiz William Trigilo reconheceu que a prefeitura cumpriu com todas as exigências feitas anteriormente e revogou a decisão anterior.

No entanto, vale lembrar que a autorização serve apenas para as famílias que já possuem jazigos no antigo cemitério (Bom Jesus). Os novos sepultamento acontecerão somente no Memorial Parque, como já vinha acontecendo. No período da proibição, várias famílias que possuem jazigo no cemitério antigo tiveram que sepultar seus mortos no novo cemitério.

No final de semana passado, uma família conseguiu uma liminar, na justiça, para sepultar um parente no Bom Jesus.

Veja abaixo:

A imagem pode conter: texto

O PEDIDO

Nenhuma descrição de foto disponível.A imagem pode conter: texto

 

 

===ANÚNCIO===

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui