Casa Militar reduz custos e otimiza ações de segurança

0
137

A Casa Militar iniciou o ano de 2020 registrando bons resultados operacionais e de economia de custeio. A pasta é uma das secretarias integradas ao Palácio Araguaia e dentre as suas atribuições está zelar pela segurança pessoal do Governador e do vice-governador; do Palácio Araguaia e residências oficiais; coordenar as atividades de inteligência estadual e de segurança das comunicações.

No Plano de Governo entregue pelo governador Mauro Carlesse à Justiça Eleitoral em 2018, uma das propostas visa a otimização das ações da Casa Militar ao mesmo tempo em que fosse possível reduzir o seu custo operacional.

Com isso, houve uma redução de 31,12% no número de policiais militares cedidos para o órgão no ano passado. A pasta também cortou em 42,86% os cargos em comissão e as funções de confiança, resultado da reforma administrativa colocada em prática pela Gestão do governador Mauro Carlesse, no início de 2019.

Referente aos custos administrativos houve uma economia de 32,52%, sendo que o valor gasto em 2018 foi R$ 16,7 milhões e, em 2019, R$ 11,3 milhões.

Operações

Mesmo com a redução do número de policiais e de custeio, a Casa Militar manteve a garantia da segurança institucional na circulação das instalações do Palácio Araguaia e seus arredores e deu apoio à Polícia Militar (PM) nas operações policiais.

Os policiais cedidos para a Casa Militar também estiveram presentes em todos os eventos em que o governador Mauro Carlesse ou o seu vice-governador, Wanderley Barbosa estiveram participando durante o ano passado, garantindo a missão institucional.

Já na Praça dos Girassóis, houve policiamento realizado com viaturas caracterizadas, em horários alternados conforme verificação de necessidades. O local é um dos cartões turísticos da Capital e, além de receber muitos turistas, também é um lugar onde muitas pessoas praticam esportes e passeiam com suas famílias.

Capacitação

Os policiais cedidos à Casa Militar também vêm participando de diversos cursos de capacitação. Foram realizados, em 2019, cursos de proteção tanto de autoridades como da sociedade em geral, além das parcerias com outros órgãos que compõem as Forças de Segurança Pública.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui