Em Paraíso: Presidente do Tribunal de Justiça nega liminar e mantém comércio funcionando

0
311
PARAÍSO DO TOCANTINS - TOCANTINS

Redação Portal Benício

O presidente do Tribunal de Justiça, Desembargador Helvécio Maia, negou, na madrugada deste domingo, liminar em sede de Agravo de Instrumento, requerida pela Defensoria Pública que pedia a suspensão do Decreto 540/2020 da prefeitura municipal de Paraíso do Tocantins, que flexibilizou a abertura do comércio local.

A defensoria recorreu com as mesmas alegações em segunda instância após, também, ter liminar negada em primeira instância.

Na Decisão, o Desembargador manteve a decisão do Juiz, e ressaltou que o Decreto não liberou o contato social entre a população e que a referida normativa apenas flexibiliza a abertura de parte do comércio e da administração pública sem ignorar a potencialidade do vírus em questão, o coronavírus.

“Ademais, observa-se que, aparentemente, nenhuma norma federal foi contrariada pelo referido decreto, sendo válido ressaltar que medidas semelhantes estão sendo tomadas por outros gestores municipais” escreveu o Helvécio Maia.

VEJA ÍNTEGRA DA DECISÃO:

A imagem pode conter: textoA imagem pode conter: textoA imagem pode conter: textoA imagem pode conter: texto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui