Em Paraíso: Morre João Barroso, 19ª vítima de covid que deixa esposa infectada e sem atendimento publico

2
346

Da Redação

Morreu no início da noite do último sábado, 08, o senhor João José da Fonseca, 67, caminhoneiro conhecido em Paraíso pelo nome de, João Barroso. Seu corpo foi sepultado por volta das 23 horas no cemitério Memorial Parque.

De acordo com informações de membros da família, o senhor João Barroso foi internado no Hospital Regional de Paraíso na última segunda-feira, 3, e desde a quarta, 5, era para ter sido entubado, o que não aconteceu. “Ele só teria sido entubado 2 horas antes de morrer” disse um parente.

DESCASO

Devido a convivência com o marido, a esposa do senhor João Barroso também contraiu a covid-19 e, apesar do teste positivo, seus familiares não conseguiram pegar o kit de medicamentos na Unidade de Saúde que atende esses pacientes em Paraíso porque funcionários da Unidade exigiram que a vítima fosse levada até ao posto para poderem entregar o kit.

Como a esposa do falecido já havia sido diagnosticada com a covid, a família pediu para que o Município tomasse de conta da situação, inclusive com o transporte da senhora, que tem 59 anos, até a Unidade para receber o medicamento, tudo isso devido ao protocolo. Porém, a prefeitura fez pouco do caso.

O número do telefone da família foi requisitado e, até esta data, a paciente toma medicamentos por conta própria porque a Saúde do Município, sequer, fez uma ligação para dar orientações.

A família teme que a esposa do senhor João Barroso passe pelos mesmos problemas que ele passou. Por sorte, os sintomas da covid-19 que ela sente têm sido mais fracos até o momento.

 

 

 

2 COMENTÁRIOS

  1. O que vem acontecendo aqui na rede pública, em especial ao posto que atende os pacientes suspeita do Covid tá uma vergonha. As pessoas estam morrendo pq não tá em o exame no tempo certo e tbem não entram com a medição no tempo certo. Pq isto está acontecendo Sr secretário da saúde? Prefeito?

  2. A poucos dias comentei com a secretária de saúde de paraíso, a necessidade de reforçar os atendimentos das com covid ou suspeita , treinando mais gente pra atendimentos preliminares com , ficando mais leve pros médicos . Pelo visto nada aconteceu , continuando pior que antes. Se tem dinheiro , por que nao fazem nada..? .

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui