Botafogo segura empate com Vasco e avança na Copa do Brasil

0
95
Honda. Vasco x Botafogo pela Copa do Brasil no Estadio Sao Januario. 23 de Setembro de 2020, Rio de Janeiro, RJ, Brasil. Foto: Vitor Silva/Botafogo. Imagem protegida pela Lei do Direito Autoral Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998.

O Botafogo segurou o empate em 0 a 0 com o Vasco, em partida realizada nesta quarta (23) no estádio de São Januário, e garantiu a classificação para as oitavas de final da Copa do Brasil.

A classificação foi garantida porque na partida de ida, realizada na última quinta (17) no Nilton Santos, o time de General Severiano triunfou por 1 a 0.

Mesmo contando com a vantagem obtida no primeiro jogo, o Botafogo começa a partida adiantando as linhas de forma a não dar vida fácil às tramas do Vasco, que realmente encontra dificuldades no setor ofensivo, onde o meia argentino Benítez cria muito pouco.

Mas, por outro lado, o time de General Severiano também não chega com perigo ao ataque. Assim, o placar permanece inalterado até o intervalo.

Com a manutenção do 0 a 0, e a vantagem obtida no primeiro confronto, o Botafogo se segura atrás, oferecendo poucos espaços para o Vasco. Assim, as melhores oportunidades da equipe de General Severiano surgem em contra-ataques.

Já o Vasco tenta criar algo, mas é pouco efetivo em seu intento, o que faz o placar permanecer inalterado até o final.

Goleada do Vozão

Quem não jogou com o regulamento debaixo do braço foi o Ceará, que goleou o Brusque por 5 a 1 no estádio do Castelão. O Vozão triunfou nesta quarta após fazer 2 a 0 na partida de ida, disputada na última quarta no estádio Augusto Bauer.

Jogando em casa, o Ceará começou pressionando o adversário. Porém, quem abriu o marcador acabou sendo a equipe visitante. Aos 16 minutos Fernando Prass acaba derrubando Garcez na área. O atacante Alex Sandro vai para a cobrança e coloca o Brusque na frente.

Porém, é o Vozão que continua mandando no confronto. E, de tanto pressionar, o Ceará chega ao empate ainda na etapa inicial, quando, aos 44 minutos, Vinícius lança Rafael Sóbis, que, de três dedos, bate para vencer o goleiro adversário.

E a dupla formada por Vinícius e Rafael Sóbis voltou a funcionar aos 18 minutos da etapa final, quando o camisa 29 voltou a tocar para o camisa 11 marcar um gol. Ceará 2, Brusque 1.

Mas o Vozão queria mais, e conseguiu aos 29, quando Bergson chuta com força para vencer o goleiro Zé Carlos.

E o quarto veio aos 32 minutos, quando o atacante Léo Chú, que havia acabado de entrar, cruzou para a área, onde Airton marca contra.

Porém, o golpe de misericórdia veio aos 44 minutos, quando o zagueiro Tiago faz de cabeça após cobrança de escanteio.

Veja a tabela da Copa do Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui