Em reunião com empresários, governador Wanderlei Barbosa reafirma compromisso com melhorias da malha viária do Tocantins

0
34

O governador em exercício do Estado do Tocantins, Wanderlei Barbosa, recebeu na tarde desta segunda-feira, 22, em seu gabinete no Palácio Araguaia, representantes de setores produtivos e de logística do Tocantins, para tratar sobre infraestrutura rodoviária no Estado.

Participaram da audiência o presidente da Federação do Comércio do Estado do Tocantins (Fecomércio), Itelvino Pisoni; o presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho do Tocantins (Aprosoja-TO), Dari Fronza; o representante da VLI Multimodal S.A., Fernando Kunsh; e o representante da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), Giuseppe Lobo.

O governador Wanderlei Barbosa reafirmou que o setor de infraestrutura é vital para o desenvolvimento do Tocantins e que sua gestão vai realizar o asfaltamento e a restauração de diversos trechos rodoviários entre municípios com grande potencial produtivo, para facilitar o escoamento da produção e proporcionar segurança aos usuários. “No ano que vem, teremos que resolver os problemas de várias rodovias que são estratégicas para o escoamento da produção e têm grande alcance social”, reforçou.

Dentre os trechos, o Chefe do Executivo Estadual destacou a rodovia TO-335, que liga Colinas do Tocantins a Palmeirante, que conta com um grande fluxo de caminhões de carga destinados ao terminal de carga da Ferrovia Norte-Sul. Outros trechos que serão priorizados pela gestão vão beneficiar a região centro-norte do Estado, a exemplo de Itacajá e Centenário, que ainda necessitam de infraestrutura rodoviária asfaltada para facilitar o escoamento da produção.

O Governador também informou aos empresários que já obteve garantias de que o trecho rodoviário entre Porto Nacional e Silvanópolis será restaurado no primeiro semestre de 2022, com recursos do Governo Federal.

O presidente da Aprosoja, Dari Fronza, informou que a reunião foi importante e que o governador Wanderlei Barbosa se mostrou sensível à questão das rodovias. “Esse trecho entre Porto Nacional e Silvanópolis é bastante problemático, porque conta com um fluxo muito grande de caminhões de carga e, há vários anos, não passa por uma restauração, mas o governador Wanderlei Barbosa nos confirmou que a rodovia vai ser federalizada e que a restauração será feita no próximo ano”, comentou.

O representante da VLI, Fernando Kunsh, pontuou que essa reunião foi um primeiro contato das empresas com o governador Wanderlei Barbosa e serviu para discutir temas importantes. “Viemos desejar sucesso à gestão e também convidá-lo para, no próximo ano, participar da inauguração de um polo de fertilizante que a empresa está implantando em Palmeirante. Por outro lado, tratamos da melhoria de trechos rodoviários, que são vitais para o escoamento de produtos. Ficamos satisfeitos com a atenção dispensada pelo governador e por sua equipe e motivados de que agora teremos solução definitiva para muitas demandas”, frisou.

O presidente da Fecomércio, Itelvino Pisoni, também destacou a sensibilidade do Governador com as principais demandas do Tocantins. “As demandas são muitas, precisamos aprofundar em muitas questões, mas o governador Wanderlei Barbosa e sua equipe se mostraram sensíveis”, reforçou.

O titular da pasta da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), Jaime Café, também destacou a importância da melhoria da infraestrutura viária e a articulação para federalização de trechos importantes que ligam diversas cidades. “[De Porto Nacional a Silvanópolis] é um trecho importante, pelo fluxo de caminhões que trafegam diariamente, mas o governador já alinhou com o Governo Federal e, a partir de 2022, esse trecho será recuperado. Com relação à rodovia que liga Colinas do Tocantins a Palmeirante, o governador também já apresentou uma pauta avançada para federalização do trecho”, pontuou.

Presenças

Participaram da reunião os secretários de Estado da Fazenda, Jairo Mariano; da Indústria, Comércio e Serviços, Carlos Humberto Lima; e da Agricultura, Jaime Café; além da vice-presidente da Aprosoja-TO, Caroline Barcelos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui