IBGE inicia nova etapa para devolução da taxa de inscrição do concurso do Censo 2020

0
175
ASCOM
Começa, nesta segunda feira, 4, nova etapa para devolução da taxa de inscrição do processo seletivo do Censo 2020, que foi adiado devido à pandemia. Os candidatos para agentes censitários (municipal e supervisor) e recenseador que ainda não solicitaram ou não receberam a devolução da taxa deverão fazer contato com a Central de Atendimento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), pelo telefone 0800 721 8181. A ligação é gratuita.
Para solicitar o reembolso, o candidato deverá informar nome e CPF para confirmação do cadastro e dados bancários (banco, nº da agência e conta bancária), em que seja o titular, para o recebimento do valor. Caso o candidato não possua conta bancária em seu nome, a devolução poderá ser feita através de ordem bancária para saque nas agências do Banco do Brasil.
Com o adiamento do Censo para 2021, a seleção para contratar temporariamente 208.695 pessoas em todo país foi cancelada em 17 de março de 2020.
Esta é a terceira iniciativa do IBGE para devolver as taxas. Na primeira, em maio de 2020, foi anunciado que seriam restituídos R$ 2.823.775,95 entre os 100.735 candidatos que pagaram a taxa de inscrição. As taxas foram de R$ 35,80 para concorrer a funções de nível médio e de R$ 23,61 para disputar as vagas de ensino fundamental. A devolução foi realizada de 19 de maio a 10 de agosto, por meio do aplicativo Carteira Digital do Banco do Brasil. Cerca de 60% dos candidatos receberam os valores.
Na segunda tentativa, em outubro, a devolução foi feita por ordem bancária associada ao nome e ao CPF do candidato, nas agências do Banco do Brasil, de 26 a 30 de outubro. Além de ampla divulgação na imprensa, na internet e nos canais oficiais do IBGE, foram enviados e-mails para todos os beneficiários informando sobre a disponibilidade dos recursos para ressarcimento. Mesmo assim, cerca de 37 mil candidatos ainda não resgataram o valor da taxa.
Em caso de dúvida, os canais de atendimento do IBGE, através do telefone 0800 721 8181 e do e-mail [email protected], continuam à disposição para mais informações e esclarecimentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui