Semana do governador Carlesse é marcada por medidas que visam conter a propagação da Covid-19 e reuniões com investidores e autoridades internacionais

0
77
Relação Sino-brasileira (China e Tocantins) e a afinidade com a Economia Tocantinense com o Governador Mauro Carlesse Convidados: Secretário Tom Lyra; Secretário Sandro Armando; Secretário Jaime Café e Secretário Executivo do Conselho de Parcerias e Investimentos do Tocantins, Robson Ferreira. Repórter Fotográfico Nilson Chaves

De medidas mais restritivas, para frear a disseminação do novo Coronavírus no Tocantins, a reuniões com investidores e autoridades internacionais, visando à abertura de mercado. Esses foram os assuntos que marcaram a agenda do governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, nesta última semana de março.

A semana começou com a publicação do Decreto n° 6.234, no qual o Governador determinou que os servidores públicos estaduais cumpram seu expediente de forma remota, desde a última terça-feira, 23, até o dia 31 de março. E ainda recomendou, aos gestores municipais, que adotassem as mesmas medidas visando diminuir o fluxo de pessoas nas repartições públicas e nas ruas. A recomendação foi bem aceita pelos gestores, mais de 90 prefeituras sinalizaram o cumprimento imediato do Decreto e outras, já com decretos municipais vigentes, informaram que iriam alinhar seus novos decretos com o Palácio Araguaia.

Outra medida complementar, para evitar aglomerações em agências bancárias e no comércio, diminuindo os riscos de contaminação pela Covid-19, é o pagamento da folha de março dos servidores públicos estaduais, de forma antecipada e escalonada, por áreas de atuação. Com a determinação do governador Mauro Carlesse, a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) instituiu o seguinte cronograma para recebimento dos salários: Saúde (dia 25); Segurança Pública (dia 26); órgãos fiscalizadores e responsáveis pela entrega de cestas básicas (dia 29); demais áreas – com exceção à Educação – (dia 30); e Educação (dia 31).

“Do trabalho remoto ao pagamento antecipado e escalonado, todas essas medidas são para diminuir os casos de infecção do novo Coronavírus e preservar vidas. Com menos pessoas circulando ao mesmo tempo, nas ruas e no comércio, e com cada cidadão fazendo a sua parte, com certeza vamos ter uma redução do número de casos”, ressalta o governador Carlesse.

O Governador também defendeu, na terça-feira, 23, o ingresso dos profissionais da área da segurança pública (Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Penal, Agente de Trânsito e Guarda Municipal), no grupo prioritário de vacinação contra a Covid-19, por considerar que esses profissionais, assim como os que estão na Saúde, atuam na linha de frente das ações que visam conter a proliferação do vírus no Estado.

Parceria com a China

Em uma audiência on-line com o embaixador chinês no Brasil, Yang Wanming, o governador Mauro Carlesse apresentou os indicadores que fazem do Tocantins, um estado economicamente competitivo. A capacidade de produção de alimentos, a facilidade de logística e as possíveis parcerias público-privadas foram elencadas pelo Governador e pelo secretariado presente.

Ao final das apresentações, o embaixador chinês parabenizou pelos avanços do Estado, considerando o desenvolvimento social e econômico, e reforçou o desejo pela parceria. “As apresentações me passaram a impressão de que as intenções do estado do Tocantins para a China são sérias. Há muitas propostas boas e, com certeza, vou transmitir aos nossos empresários, para que possam explorar as oportunidades da parceria com o Estado e assim ampliar a parceria entre Tocantins e China”, concluiu.

A reunião entre o governador Carlesse e o embaixador da China foi destaque na imprensa chinesa. A Televisão Central da China (China Central Television – CCTV), rede nacional chinesa de televisão, o Diário do Povo, Xin Hua e o Diário de Xangai foram alguns dos veículos que deram destaque ao encontro.

Minério de ferro

Na quarta-feira, 24, o governador Mauro Carlesse recebeu, no Palácio Araguaia, representantes da empresa Aviva Mining Mineração, para tratar da implantação de uma mina para extração de minério de ferro, na região central do Tocantins. Com investimento inicial de R$ 15 milhões, a expectativa é que a empresa gere cerca de 300 novos postos de trabalho diretos.

O encontro foi articulado pelo secretário de Estado da Indústria, Comércio e Serviços, Tom Lyra. A área para a extração do minério de ferro está localizada no município de Goianorte e pretende extrair cerca de 300 mil toneladas do minério, já na primeira etapa do projeto.

Vania Machado/Nilson Chaves

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui