Governo do Tocantins realiza campanha de conscientização sobre a primeira infância na temporada de praia

0
232

Para que crianças e adolescentes estejam protegidos durante a temporada de praias no Tocantins, uma campanha de conscientização sobre a primeira infância está percorrendo os municípios com o propósito de chamar a atenção da sociedade. A ação é promovida pela Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju) em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO).

Com o tema Nesse verão, não desvie o olhar, a caravana está abordando, pais, crianças, adolescentes, comerciantes e turistas para entrar nessa atividade de atenção sobre a venda de bebidas alcoólicas, afogamentos, acidentes nas praias, desaparecimento de pessoas e denúncias de maus-tratos, violência sexual, exploração sexual e negligências.

Para a psicóloga da Diretoria de Atenção Primária (DAS) da SES-TO, Viviane Souza Paiva, o envolvimento nessa parceria traz muito otimismo para o respeito aos direitos das crianças e dos adolescentes. “Precisamos primeiramente agradecer imensamente por esse convite para essa ação tão importantíssima, pois os benefícios que pretendemos aqui é fazer com que a sociedade se envolva mais nesses cuidados, sabendo para quais canais podem ligar e acompanhar esse trabalho de proteção”.

A superintendente de Administração do Sistema de Proteção dos Direitos da Criança e Adolescente da Seciju, Zeroildes Miranda, comentou sobre como esse apoio é importante para o entendimento da sociedade. “A nossa ideia é levar a rede de atendimento a esse público para que, juntos, possamos promover uma maior conscientização sobre os direitos das crianças e dos adolescentes que estão neste momento nos rios, piscinas, clubes e praias do Estado, convidando a todos para combaterem qualquer tipo de violação do direito com criança e adolescente. Então, vamos todos juntos na proteção integral dos direitos da criança e do adolescente neste verão”!

Importância do apoio da sociedade

Segundo a psicóloga da DAS da SES-TO, Viviane Souza Paiva, “a sociedade pode nos ajudar” fazendo os cuidados, observando e cuidando das crianças. Caso perceba uma criança sem nenhum responsável por perto, ligue para os canais de comunicação oficiais e faça a denúncia de suspeita. É primordial que a sociedade se envolva nesse cuidado de proteção das crianças e adolescentes”.

Não desvie o olhar

A ação já percorreu praias nos municípios de Peixe, Paranã e Palmas, levando mensagens de cuidados com desaparecimento, abuso e violência sexual, trabalho infantil, canais de denúncias, além da distribuição de pulseiras de identificação para crianças de até seis anos e fixação de cartazes em todas as barracas nas praias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui