Governo do Tocantins contrata 70 novos leitos e profissionais e amplia oferta de UTI’s para enfrentar o novo Coronavírus

0
83

O Governo do Tocantins publicou no Diário Oficial do Estado (DOE) dessa sexta-feira, 7, a contração de uma empresa para fazer a gestão hospitalar de 70 novos leitos clínicos e leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI  no Hospital Oncológico de Palmas. Trata-se de mais uma ação emergencial determinada pelo governador Mauro Carlesse, com o objetivo de ampliar a oferta de atendimento especializado para os casos graves da Covid-19.

“Todo nosso planejamento estratégico tem surtido efeitos rápidos na saúde e assim que a demanda aumentou nossas equipes foram ágeis em buscar novos leitos. Para sanar essa demanda, não estamos poupando esforços e nem recursos. Garanto que o Tocantins está pronto para enfrentar a pandemia, reunindo as melhores condições possíveis para o nosso cidadão”, destacou o Governador.

A publicação no DOE informou um total de 70 novos leitos, sendo 60 leitos clínicos que estão 100% equipados para tratar os casos moderados da Covid-19 e mais 10 leitos de UTI, destinados exclusivamente aos pacientes em estado grave da doença.

Apesar de estarem instalados em Palmas, o titular da Secretaria de Estado da Saúde (SES), doutor Edgar Tollini, esclareceu que os leitos podem ser usados por pacientes de todas as regiões do Tocantins com a garantia de acesso dada pelo Estado. “Os novos leitos estão em Palmas, mas a Secretaria da Saúde já dispõe desde o início da pandemia de um sistema para transferência de pacientes. Temos hoje uma frota com mais ambulâncias, que são usadas para o transporte aos leitos clínicos e ainda uma empresa terceirizada com total estrutura para levar o cidadão direto até as UTI’s. Quem precisar de atendimento será rapidamente deslocado até a Capital pela nossa equipe”, enfatizou o gestor.

Instituto Saúde e Cidadania

A contratação da empresa para fazer a gestão dentro do Hospital Oncológico somou investimentos na ordem de R$ 20,6 milhões, por meio de contrato firmado com o Instituto Saúde e Cidadania (Isac), uma Organização Social (OS) sem fins lucrativos. O valor do contrato corresponde aos próximos seis meses de trabalho.

Com ampla experiência na área, a empresa já está atuando na linha de frente contra a pandemia em outros estados: Bahia (BA), Pará (PA), Alagoas (AL), Rio Grande do Sul (RS) e também no Distrito Federal (DF), onde a Organização Social está sediada. A empresa também já está atuando no município de Araguaína.

De acordo com o superintendente de Projetos, Alberto Aguiar, caberá ao Instituto Saúde e Cidadania reunir uma equipe multidisciplinar de profissionais altamente capacitados para tratar os pacientes internados. “Já estamos montando um processo seletivo para contratação dos profissionais, buscando os melhores médicos, enfermeiras e técnicos da área. Tudo será feito on-line, por meio de uma plataforma própria em nosso site, tornando o processo rápido e prático”, afirmou.

O Instituto também é responsável pela realização de exames, fornecimento de medicamentos, gestão de equipe, insumos, alimentação, limpeza e lavanderia.

Quanto ao Hospital Oncológico de Palmas, onde os leitos estão instalados, a unidade foi contratada pelo Governo do Tocantins em julho, cabendo agora ao Isac fazer a gestão de toda a estrutura disponível no local.

Mais ações de fortalecimento da saúde 

Desde o início da pandemia, o Governo do Tocantins tem atuado de forma efetiva ampliando leitos, reconhecendo financeiramente profissionais de saúde, adquirindo mais insumos e aumentando a capacidade de testagem para diagnóstico da Covid-19.

Além da nova liberação de mais 70 leitos junto ao Hospital Oncológico de Palmas, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) implantou outros dez leitos no Hospital Regional de Augustinópolis (HRA); 10 leitos no Instituto Sinai, em Araguaína; e outros 10 no Hospital de Gurupi.

No total, o Estado conta com 395 leitos destinados exclusivamente para pacientes acometidos pela Covid-19 e estão divididos da seguinte forma: 123 de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), 252 clínicos e 20 de estabilização.

Aumento na testagem

Com o investimento feito pelo Governo do Tocantins para a regularização dos insumos, nesta semana, o Laboratório Central do Estado (Lacen/TO) retomou a sua capacidade de testagem, chegando a analisar uma média de 550 a 900 testes por dia. Antes da pandemia, o Lacen/TO tinha capacidade para 100 análises diárias.

Até o dia 6 de agosto, data de publicação do último Relatório Situacional de Enfrentamento à Covid-19, o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs) já notificou um total de 30.358 casos para Covid-19, sendo 17.125 casos detectados por análises de amostras via RT-PCR, 12.091 por testes rápidos e 1.142 por sorologia.

Do total de casos confirmados, já são 18.609 recuperados, o que representa 61% em relação ao total confirmado.

Considerando ainda que o Brasil registra 2.912.212 casos confirmados até essa quinta-feira, 6, o Tocantins representa 1,04% desse total, conforme dados do Ministério da Saúde.

Indenização extra a profissionais de saúde 

Com vistas a contribuir com os profissionais que estão atuando na linha de frente no combate à Covid-19, o governador Mauro Carlesse instituiu a Lei n° 3.705, que trouxe a indenização extraordinária para os profissionais vinculados às unidades hospitalares e ao Lacen/TO.

A indenização foi paga nessa sexta-feira, 7, no montante de R$ 2,8 milhões e beneficiou profissionais que atuam no apoio clínico, logístico e na realização de exames.

Aquisição de insumos

Considerando que a pandemia da Covid-19 estabeleceu uma situação de extrema anormalidade, a Gestão Estadual já adquiriu insumos e Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) em quantidade suficiente para atender a demanda das unidades hospitalares. No estoque da Secretaria de Estado da Saúde (SES), estão disponíveis toucas, luvas estéreis e de procedimentos, álcool etílico, álcool em gel, máscaras, aventais, sapatilhas, protetores faciais, entre outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui