Corpo de Bombeiros encontra fragmentos de material após acidente na balsa em Caseara

0
228

O acidente aconteceu na noite do sábado, 8, por volta das 23 horas, quando Luiz Carlos Santos Barros, 28 anos, estava de serviço numa balsa encalhada, há aproximadamente 2 mil metros, rio abaixo do porto, na divisa do Pará com o Tocantins, no Rio Araguaia, em Caseara no Tocantins.

De acordo com os relatos, a vítima teria feito um procedimento costumeiro, de retirar água do rio utilizando um balde de água amarrado em uma corda e passando uma laçada da corda na mão. Momento em que o balde foi tragado pela hélice que estava em rotação.

Foram encontrados, por populares e pelos mergulhadores, vestígios do incidente, como um grande pedaço de corda e alguns pequenos fragmentos de corpo humano. A perícia foi chamada e o material recolhido durante as buscas (pedaços de roupas, vísceras, ossos e parte de uma corda) foi entregue.

Colisão entre veículos leves em Gurupi

Em Gurupi, uma colisão lateral entre veículo (palio) e um gol envolveu um total de 8 pessoas (5 no gol e 3 no pálio). Uma delas foi conduzida pelo Samu e as outras 4 pela equipe de resgate do Corpo de Bombeiros. No momento da chegada dos bombeiros, todos os envolvidos já estavam fora dos veículos.

O acidente aconteceu por volta das 21h55 do sábado, 8, na Avenida B, setor nova fronteira em Gurupi. As vítimas apresentavam escoriações e dores, porém estavam estáveis, conscientes e orientadas. Todas elas foram transportadas, avaliadas e monitoradas até a chegada ao hospital.

Pessoa desaparecida

Uma equipe de bombeiros militares realiza buscas a uma jovem (excepcional) de 22 anos, desde sábado, 8. Ela teria tomado destino ignorado nas proximidades do setor Serra Dourada. Polícias militar e civil, funcionários da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), um grupo de mototaxistas e outros auxiliam nas buscas realizando varreduras em matas, na região de chácaras e nas proximidades de onde a moça teria desaparecida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui