Covid-19 em Gurupi: Criança de 1 ano e 7 meses está entre os quatro novos casos confirmados

0
248

O Comitê Gestor de prevenção ao coronavírus em Gurupi informou que até as 11 horas desta quinta-feira, 14 de maio de 2020, foram confirmados  mais quatro novos casos positivos para COVID-19 somando 43 casos. Conforme a Vigilância  Epidemiológica do Município de Gurupi, os casos confirmados tratam-se de três pessoas do sexo masculino, entre 1 e 57 anos e uma mulher de 39 anos. Um dos pacientes é motorista, de 38 anos, teve contato com caso positivo e a sua esposa de 39 anos, também foi contagiada. O homem de 57 anos não soube informar a origem da transmissão. O menor, de 1 ano e 7 meses, teve contato com o pai que testou positivo para Covid-19.

Conforme a Vigilância Epidemiológica, uma mulher de 48 anos, testada positiva e que estava em isolamento domiciliar, foi curada.

 Nas últimas 24 horas foram realizados no Centro de Triagem oito testes rápidos com resultados negativos. Também foram enviados ao Lacen, em Palmas, oito testes SWAB, sendo de cinco homens entre 14 e 50 anos e três mulheres entre 16 e 50 anos. Todos estão em isolamento domiciliar.

 Na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) foram realizados 20  testes SWAB enviados para o Lacen, sendo 11 homens, entre 10 e 66 anos, e nove mulheres, entre 13 e 68 anos. Eles aguardam o resultado em isolamento domiciliar. Também foi realizado um teste SWAB em um hospital da rede particular de um homem de 42 anos. Ele aguarda o resultado do Lacen e está em isolamento domiciliar.

 O homem de 39 anos, registrado no boletim desta terça-feira, 13, que o contágio estava sendo investigado, informou ter viajado recentemente ao sul do país.

 Gurupi contabiliza até o momento 392 casos descartados, 43 casos positivos, sete pacientes recuperados e 56 casos suspeitos.

 A vigilância Epidemiológica de Gurupi afirma que todos os residentes de Gurupi que testaram positivos estão em isolamento domiciliar e apresentam sintomas leves da doença.

 Internação

A mulher de 66 anos, que foi transferida para o Hospital Geral de Palmas  (HGP), permanece internada.

 Recomendações

 O primeiro óbito por COVID-19 e o estágio de transmissão comunitária no município nos atentam para a necessidade de redobrar os cuidados em relação ao distanciamento social e higiene populacional, todos precisam estar atentos e colaborar para o controle da disseminação do vírus na comunidade respeitando os decretos e ações que estão sendo adotados.

 O Comitê reforça para a comunidade a recomendação do uso de máscara de proteção, item que passou a ser obrigatório na cidade.

 O médico e integrante do Comitê Gestor, Maurício Nauar Chaves, falou da importância desse equipamento de proteção. “A máscara deve ser usada por todos para evitar a propagação da doença. Lembrar sempre que a parte externa da máscara é contaminada, ela é o filtro, e como filtro, a sujeira fica do lado de fora, sendo assim, não se deve tocar nessa parte da máscara, se o fizer, estará perdendo a função de proteção. Também devemos ao retirá-la, mesmo tocando somente na parte de dentro, lavar as mãos logo depois, e quando ela ficar úmida ou quando vence a validade do fabricante, deverá ser trocada por outra”, explicou.

 Quaisquer dúvidas podem ser esclarecidas com a Vigilância Epidemiológica por meio dos números: (63) 98424-4156 ou 3315-0088; pelo e-mail: [email protected]; além das redes sociais e contatos institucionais que podem ser encontrados no site da Prefeitura de Gurupi.

Ascom

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui